28 de fev de 2017

A serial killer mais nova do mundo




Pode ser considerada a serial killer mais jovem da história. Era filha de uma mãe solteira, mentalmente perturbada e prostituta. Bell foi obrigada a fazer sexo com os clientes de sua mãe dos quatro aos oito anos de idade. Em maio de 1968, foi condenada por ter asfixiado Martin Brown, apenas um dia antes de completar onze anos de idade.

 As vítimas de Mary Bell tinham três e quatro anos, além de ter sido acusada de tentar estrangular outras quatro meninas. também em 1968, foi acusada de homicídio involuntário, tendo em vista que o júri tinha conhecimento de seus clássicos sintomas de psicopatia.

Aproveitando a visita, não deixe de conferir também 10 IMAGENS QUE VÃO FAZER VOCÊ ACREDITAR EM FANTASMA.

A serial killer mais nova do mundo

Em 1980, foi libertada e a ela fora concedido anonimato para que pudesse tentar recomeçar sua vida, com uma filha que nascera em 1984 e seu marido. Vinte anos depois da condenação e da morte de sua mãe, Bell conversou com a jornalista Gitta Sereny, sobre sua infância. Conversa essa que resultou numa biografia chamada “Gritos no Vazio”.



Um blog de Curiosidades
Uêba - Os Melhores Links